domingo, 8 de junho de 2014

#DiaDoSenhor

O Significado do Dia do Senhor

O que é o Dia do Senhor?

“Lembra-te do dia do sábado, para santificá-lo” (Êxodo 20,8). A origem do termo “Dia do Senhor” vem da palavra hebraica Sabbath, que significa descanso. Antes da Ressurreição de Jesus Cristo, o Sabbath comemorava o dia de descanso de Deus após Ele haver terminado a Criação. Era um sinal da aliança entre Ele e Seu povo. Lemos em Gênesis que Deus criou os céus e a terra em seis dias: “E havendo Deus acabado no dia sétimo a obra que fizera, descansou no sétimo dia de toda a sua obra, que tinha feito. E abençoou Deus o sétimo dia, e o santificou” (Gênesis 2,2–3).

Atualmente, o Dia do Senhor celebra-se a Ressurreição de Jesus Cristo. O Sabbath (Dia do Senhor) ocorre a cada sete dias. É um dia santo ordenado por Deus para descansarmos dos labores diários e adorá-Lo.

O Propósito do Dia do Senhor

Jesus ensinou que o Dia do Senhor foi feito para beneficiar o homem (Marcos 2, 27). O propósito do Dia do Senhor é dar-nos um dia da semana no qual direcionamos os pensamentos e as ações para Deus. Não é apenas um dia para descansar do trabalho. É um dia sagrado que deve ser passado em adoração e reverência. Ao descansarmos das atividades diárias usuais, ficamos com a mente livre para ponderar sobre assuntos espirituais. Nesse dia, precisamos renovar nossa aliança com o Senhor e alimentar a alma com as coisas do Espírito.

Por que o Dia do Senhor foi mudado do sétimo para o primeiro dia da semana?


Até a Ressurreição de Jesus Cristo, Ele e Seus discípulos guardaram o sétimo dia como o dia santo. Após a Ressurreição, o domingo passou a ser santificado e considerado o Dia do Senhor, em lembrança de Sua Ressurreição naquele dia (Atos 20,7; I Coríntios 16,2). Daquela época em diante, os seguidores de Jesus passaram a guardar o primeiro dia da semana como o Dia do Senhor. Nos dois casos, havia seis dias de trabalho e um para descanso e devoção.

Nenhum comentário:

Postar um comentário