segunda-feira, 3 de junho de 2013

Oração inspirada no Coração de Jesus


Mensalmente, na primeira sexta-feira, milhares de pessoas devotas do Sagrado Coração de Jesus se reúnem nas igrejas para orarem com os olhos fitos no coração aberto de Jesus. São pessoas aglutinadas em torno do movimento do Apostolado da Oração, e que seguem a espiritualidade do Sagrado Coração de Jesus.
O Apostolado da Oração surgiu na França, em 1844, a partir de uma conferência aos estudantes de um colégio jesuíta. Na oportunidade, o padre espiritual do Colégio – Pe. Francisco Xavier Gautrelet – explicou aos estudantes que eles podiam colaborar com os que trabalhavam nos vários campos de apostolado “sem interromper o seu trabalho principal que era o estudo, oferecendo com o fim apostólico as suas orações, os seus sacrifícios e trabalhos” (www.apostoladodaoração.pt). Hoje, o Apostolado da Oração se define como “uma rede mundial de oração e ação para responder aos desafios da humanidade dentro da missão da Igreja”. Pretende “formar homens e mulheres unidos a Cristo, esclarecidos na própria fé e disponíveis para servir a Igreja no seu ambiente quotidiano”. Quer ser um serviço à Igreja e à humanidade, procurando que todos rezem por todos, formando, assim, uma grande “família de orantes”.
Os pilares que sustentam o Apostolado da Oração são: oferecimento diário através do qual os integrantes oferecem sua vida, com Jesus Cristo, no ato supremo de amor que é a Eucaristia; a oração feita pelos outros e ensinada para as pessoas e famílias; a união com o Papa, através da oração feita nas suas intenções; a propagação da devoção ao Sagrado Coração de Jesus, “centrando todos no mistério do amor louco e apaixonado de Deus Pai, revelado no Coração de seu Filho”.
A data máxima para o Apostolado da Oração é o dia do Sagrado Coração de Jesus, que, neste ano, será comemorado na sexta-feira, dia 7 de junho. Para marcar a data, a coordenação diocesana programou uma concentração de todos os membros do Apostolado da Oração na cidade de Venâncio Aires. Vai ser a oportunidade de reavivar a fé no amor louco e apaixonado de Deus Pai, revelado no coração de Jesus aberto pela lança. Será também o momento especial para nos unirmos em oração pelos padres, uma vez que o dia do Sagrado Coração de Jesus também é o dia dedicado à oração pela santificação do clero.
Junto com o Apostolado da Oração, confio ao coração de Jesus os padres e agentes de pastoral; as famílias e os seminaristas; os enfermos e as crianças; os jovens e todos aqueles que estão empenhados na construção de uma sociedade mais amorosa e fraterna.
Confiamos e esperamos em vós, Sagrado Coração de Jesus!
Fonte: Dom Canísio Klaus - Bispo de Santa Cruz do Sul (RS)
Neste mês:


Nenhum comentário:

Postar um comentário